quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

Não é Jorge Jesus?!...



"MESMO CONTRA OS ÁRBITROS"

«Quando José Maria Pedroto regressou ao Porto, em 1976, trazia a vontade de devolver ao seu clube do coração o título de campeão. Conseguiu-o em dois anos seguidos, após a primeira época de ambientação. Então, o Benfica dominava o futebol português, e por isso, naturalmente, os árbitros eram mais complacentes com os encarnados. Os comandados de Pedroto venceram, como exigia o Mestre, "mesmo contra os árbitros". 

Foi mesmo contra os árbitros que o Benfica iniciou a sua caminhada para aquilo que começa a afigurar-se como uma nova era de hegemonia das águias. Não adianta tapar o sol com o apito – os leões e os dragões devem olhar para o que estão a fazer de errado, antes de entregarem os árbitros, como dócil móbil da derrota, aos seus jogadores, técnicos e adeptos. Porto e Sporting estão a falhar muitos golos, não chegam com fluidez à linha de fundo. A bola não corre com a velocidade devida pelos espaços ideais. Os milhões investidos em reforços ainda não rendem juros.

Muito mais nas fraquezas próprias do que na incompetência dos árbitros se encontra a razão destes dois grandes estarem eliminados da Taça da Liga, o Porto também da Taça de Portugal, e ambos longe do Benfica na tabela do campeonato. Ontem, assistiu-se a mais uma demonstração de bom futebol feita pelos benfiquistas, no difícil terreno de Guimarães. Com a arbitragem de um sobrevivente do ‘Apito Dourado’, o Benfica dominou, falhou golos, até um penálti, e marcou por duas vezes, em jogadas simples e eficazes.

Só o Benfica poderia ter vencido mais este jogo. E o árbitro Carlos Xistra não precisou de ter nada a ver com isso.»
(Octávio Ribeiro, De olhos na bola, in Record)

Ás vezes precisamos de um abanão forte para acordarmos!...

Não é Jorge Jesus?!...

Leoninamente,
Até à próxima

13 comentários:

  1. É tudo muito bonito, mas com apitadores dests, na hora da verdade.. http://misterdocafe.blogspot.pt/2017/01/os-vieiras-do-apito-patchouli-borbulhas.html

    ResponderEliminar
  2. Isso é tudo muito bonito, que o benfas joga que mete medo ao susto, mas só joga assim com equipas pequenas ou amigas...de resto é paisagem! Empataram com o besiktas os dois jogos, perderam os dois jogos com o Nápoles, empataram com os corruptos no último suspiro (sorte) e ganharam ao Sporting com ajuda de uma arbitragem...nesses jogos que mencionei, nem um, NEM UM, o benfas foi melhor, UM...
    Então ontem para a taça da carica, é cómico, então foi só o benfas que poupou jogadores?!?Foi?!? Num jogo em que discutia o apuramento, o guimarães, este colosso do futebol mundial que só se mata com o Sporting e que está a lutar pelo título decide poupar jogadores?!? E o mal é do JJ!!! Já disse que como Homem não gosto do Jesus, ponto! Como treinador adoro, mas vou ser sincero enquanto o JJ estiver no Sporting, ele não ganha nada, nadinha...e não é pela qualidade do trabalho que ele não vai ganhar nada, é porque não o vão deixar, a estrutura não o vai permitir...e sim, só não percebe isso quem anda a dormir...

    ResponderEliminar
  3. "Foi contra os árbitros que o Benfica iniciou a sua caminhada" MENTIRA!
    Os arbitros nessa altura andavam condicionados porque o apito dourado estava em todo o lado. O Benfica aproveitou essa altura para ganhar e comecar a minar esta porcaria de futebol que temos.

    ResponderEliminar
  4. Esse José Maria Pedroto não foi o tal que pediu um orçamento, ao saudoso João Rocha,para dar dinheiro a árbitros e que o mesmo foi corrido no próprio dia pelo Presidente?Eu não estava lá,mas assim reza a lenda.

    Ps:Para quem é adepto do Barcelona esse Octávio Ribeiro pensa muito no SCP..Mas nunca acerta.

    SL

    ResponderEliminar
  5. Concordo com o jornalista e concordo com o caro Álamo
    mas há que não esquecer o valor dos planteis

    O slb tem um plantel vasto e valioso

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Claro que tem

      Artolas a Dias
      Jorge Rouba
      Fábio Lampioníssimo
      Jorge Esquiça Ferreira
      Luis Lampião Ferreira
      Tiago Patins
      Burro Esteves
      Bruno Ladrão
      Carlitos Xistralhada
      Rui Copia nos Exames Oliveira
      Luis Fininho
      e outros que agora não me ocorrem.

      É de facto um plantel de peso.

      Eliminar
  6. Caro Álamo, com todo o respeito, mas reproduzir aqui textos deste senhor, escamoteando o facto latente de que as arbitragens não matam mas moem, é no mínimo desonesto.
    Fazer passar a idéia de que, por exemplo, arbitragens como a do Benfica-Sporting, em que basicamente passávamos para a frente do campeonato e que afinal ajudou a empurrar-nos para baixo, elevando e premiando a batota não tem importância, também não me parece honesto. Claro que tudo isso pesa na cabeça dos jogadores, quando sabem que têm de fazer muito mais do que outros para atingir a vitória.
    Não quero com isto dizer que não se tenham cometido erros, nomeadamente por parte do nosso treinador, mas bolas, bater no ceguinho e ainda por cima guiados pelos Octavios Ribeiros desta vida, é começar a comer gelados com a testa.

    SL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro "Tutuala" aquilo que os nossos inimigos dizem de nós, poderá ser muito importante para corrigir os erros que o caro admite que tenhamos cometido...

      Note que depois da crónica de OR, o único pensamento que aqui deixei foi: "às vezes precisamos de um abanão forte para acordarmos! Não é Jorge Jesus?!..."

      Agora se o caro Tatuala entende que "colocar as barbas de molho" é uma forma de "comer gelados com a testa", está no seu pleno direito. Porém não conte comigo para o ajudar, uma vez que o que pretendi dizer está nos antípodas do que parece ter entendido...

      SL

      Eliminar
    2. Caro Álamo, a auto-critica é sempre bem vinda, para não perder a noção da realidade e como tal refiro que erros foram cometidos. O que nunca aceitarei é critica guiada por hipocritas como este jornalista que não considero e não me merece respeito. O comer gelados com a testa tem a ver com o considerar estes escritos parciais e paternalistas destes personagens e imaginar que estão cheios de boas intenções ou insenção.

      SL

      Eliminar
    3. Mas será que passará pela mente do caro Tatuala que alguma vez o autor deste blog, com a idade que tem e com a profundidade dos seus afectos clubísticos, permitiria que as suas eventuais críticas a algo que estará menos bem no "grande amor da sua vida" sejam "guiadas por hipócritas como este jornalista" ou outros quaisquer da sua índole?!...

      Caro Tatuala, como não me conhece, vou ser complacente para com a sua superficialidade e precipitação, próprias quiçá da sua juventude!...

      Eliminar
    4. De modo algum, caro Álamo. Apenas me custa um pouco considerar os argumentos destes escribas e parece-me até perigoso porque são parciais e encapotados. Não os posso considerar portanto. Relativamente à minha juventude, fico lisonjeado por a assumir. 41 primaveras já terão o seu lastro. Dispenso é o seu paternalismo ao considerar superficial a minha posição.
      De qualquer forma, continuarei a apreciar e visitar este espaço.

      SL

      Eliminar
  7. Independentemente dos árbitros, o futebol do Sporting carece ou não de mais velocidade, imprevisibilidade, capacidade de concretização, variação táctica (quando as coisas enguiçam com o plano inicial), etc.
    E não é óbvio que, exceptuando um ou dois, as aquisições desta época pouco ou nada acrescentaram em termos de qualidade?
    Então queremos ser campeões e, em vez de nos focarmos em analisar e corrigir o que está mal dentro de casa, limitamo-nos praticamente a só criticar as arbitragens?
    Será que os árbitros a partir de amanhã vão passar a dirigir melhor os jogos em que Sporting participa? Sim? Por obra e graça de quem? Não? E então? Que fazer? Vamos apostar a sério em vencer (muito) mais jogos corrigindo o que está mal, ou continuar a viver apenas de promessas que no fim, feitas as contas, redundam no mesmo de sempre? Que o grande SCP seja, finalmente, vencedor do campeonato de Futebol e não, eternamente, campeão da retórica e da lamecha! E se, para tanto, vermelhos, azuis e/ou amarelos às pintinhas nos ajudarem a identificar e corrigir alguns dos erros crassos que temos cometido... tanto melhor. Quando formos campeões haveremos de agradecer via Comunicação Social ou outras vias outras.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não poderia estar mais de acordo com o comentário do Bruno! Julgo que apenas terá pecado por defeito, num simples e único ponto: ao endossar todas as culpas dos seus pecados sobre a arbitragem, o Sporting reduz em cada jogo o grau de exigência e responsabilização para com aqueles quem dentro do campo - as áreas técnicas fazem parte do terreno de jogo - defendem a gloriosa verde e branca!...

      Será sempre e inelutavelmente, uma moral de perdedores!...

      É urgente e imperioso mudar de rumo: "que cessem as palavras e falem as obras"!...

      Eliminar

PUBLICIDADE